terça-feira, 10 de abril de 2012

tempo de fazer uma limpeza

Isto do BILF foi uma campanha de marketing que me foi imposta pelo Autor. Sei que durante uns dias me tornei completamente irresistível para o sexo oposto e para aqueles jovens rebeldes que, de acordo com o Saraiva, querem aderir à moda de ir ao cu uns aos outros como aderiram ao PREC depois do 25 de Abril. Modas, enfim. Depois de ver jovens licenciados com power balances no pulso, acho que tudo é possível. Com a mera construção de elementos básicos, projectei a imagem de que era um homem sensível, conhecedor dos meandros dos sentimentos. Estou com um mau humor de merda. Ontem cheguei a casa e a Plaft tinha um cachecol do Sporting desenrolado no meu sofá, perdão, no nosso sofá, antes do jogo. Estava refastelado depois do dia de cão, todo contente, a ligar a sportv e nem me tinha apercebido daquilo atrás de mim, quando tive o vislumbre do verde a tocar-me no pescoço dei um salto que parecia que tinha um aranhiço em cima. Sou aracnofóbico, lamento generalizar assim sobre as aranhas mas não gosto delas, acho que são assim porque é moda e acham fixe e rebelde serem assim com oito patas e nojentas. Tive de ir buscar o cachecol do Graças A Deus Sou Do Benfica e dividir o sofá em dois, com o meu cachecol um pouco por cima do cachecol dela, para dar sorte. O caralho. Não deu. A Plaft, como todas as pessoas do Sporting, não percebe puto de futebol mas é sócia desde que nasceu porque lhe pagam as quotas. Ela só começou a ligar aos resultados do campeonato desde que me conheceu e entendeu que aquele mito dos benfiquistas baterem na mulher quando o Benfica perde não era bem um mito. Não que eu lhe bata (fisicamente) mas alguma coisa devo fazer porque nas últimas jornadas e na champions ela começou a torcer, genuinamente, pelo Benfica e fica ansiosa quando o Glorioso perde, tratando-me como um tipo que sofre de stress pós-traumático, à cautela e com o cabo da vassoura a dar-me toques a uma distância segura para me perguntar se quero mais cerveja.

É verdade, trato toda gente mal, nem é nada pessoal. Às vezes começo com dissertações filosóficas que fazem o Schopenauer parecer um pateta optimista e depois lá me lembro "epá, o Benfica perdeu! É capaz de ser disso, se calhar a morte do acidental do parceiro não é a solução para o problema das relações amorosas definharem inevitavelmente em ódio e ressentimento!". Ela parecia bem intencionada, tentou transformar a casa numa festa futeboleira, tipo final de taça de Portugal no Jamor, com direito a uma bolonhesa em frente à tv e duas garrafas de vinho, cachecóis e acepipes. Pensei que ia ser uma noite perfeita, no fundo era uma armadilha cuidadosamente planeada. Reparem, nunca viu um jogo do Sporting esta época, só viu aquele e ficou toda contente. Durante um ano vai pensar que o Sporting joga sempre assim e que o Benfica é aquela merda. Depois ri-se muito sempre que aparece a cara do Bruno César em grande plano, sem qualquer respeito pelo Bruno César e por pessoas com prognatismo e estrabismo. E é racista, chamou "traidor" ao Djaló (que é preto). Riu-se dos suspensórios e dos blazers de cotoveleiras do Sá Pinto e achou-o parecido com o Jorge Jesus, tal é a profundidade da análise futeboleira do adepto típico do Sporting. E quando é o Javi Garcia ou o Volkswinkel a aparecer em grande plano e camera lenta pergunta "quem é este?" com um tom de voz inocente nada inocente.

No fundo é isto, o Sporting ganhou e celebrou a sua vitória da época, o Benfica perde o campeonato, mas eu fiquei com a sócia dos leões. Golo. Levem lá o 4º lugar, bom proveito. Eu não trocava a Plaft nem pelo 2º lugar no campeonato. Voltando ao tema inicial do post, que já não me lembro qual era e tenho preguiça de fazer scroll up, queria só reforçar esse tema e insistir nele sem contemporizações.

23 comentários:

Tiago BM disse...

"acho que são assim porque é moda e acham fixe e rebelde serem assim com oito patas e nojentas" Só com isto conseguiste vender-me o peixe.

www.osbota.blogspot.com

hierra disse...

Adorei o post...mais uma vez. Essa mulher não te merece lol

Tolan disse...

eu é que não a mereço -_-




























(marquei pontos agora!)

Miguel disse...

Parece-me que estás todo minado e isso é algo que também me assiste, estou solidário contigo. Acresce que não entendes de futebol e este blog não presta serviço público e devia. Um pouco mais de Keynes neste blog, caralho!

Stiletto disse...

Este post está sublime.

Pedro Almeida disse...

Foda-se, tu escreves para caralho!
(enquanto escrevi isto mantive a cabeça perfeitamente perpendicular ao tronco, não há cá paneleirices)

Sufocada disse...

Já há algum tempo que não me dava tanto gozo ler um post!
Bom, mas bom!

POC disse...

@Tolan, puta que pariu, um dos posts do ano. Parabéns! É muito isso que escreveste!

@Sufocada, esquece o vernáculo de cima, continua a pensar que sou apenas um homem sensível mas muito macho. Agora diz-me...os meus posts não te dão tanto gozo? Ou agora vais a correr ao meu tasco dizer o mesmo? A sério, apanha-se mais depressa um visconde que um coxo.

Izzie disse...

A sério, é verdade, tu não a mereces.
(espero também ter ganho pontos e que ela não me mate por dizer isto: lobe this post9

Maria Albertina disse...

Ela só é do sporting porque acha que é fashion e revolucionário usar riscas verdes e viver constantemente com um complexo de inferioridade em relação ao vizinho grande da 2ª circular.

maria 3a disse...

tao genial!

"Reparem, nunca viu um jogo do Sporting esta época, só viu aquele e ficou toda contente. Durante um ano vai pensar que o Sporting joga sempre assim e que o Benfica é aquela merda." - a esta altura do post era exactamente isto que eu estava a pensar!

Vic disse...

E ainda o teu sofrimento vai no adro. Espera pelo jogo com o Gol Vicente presidido por esse eminente vulto da nossa intelectualidade que é o Fiúza, para a taça da liga e vais ver o que é bom para a tosse! :)

trollofthenorth disse...

Fogo. Não nos tirem a tanga da taça da liga. Caso contrário vou ter que renovar o stock de lâminas lá em casa.

Bom chefe de família que não avie uns tabefes random, por causa das derrotas do benfas, não é nada.

Anónimo disse...

O mais lindo é ver como qualquer benfiquista julga que os sportinguistas só reagem em função deles, é um género de psicose colectiva, não existe o outro, existimos nós e o outro só sente em função da nossa reacção. O que lhes confere um género de grandeza (superioridade) e um estatuto inatacável. Os sportinguistas são menores porque não têm vontade desligada do que acontece ao benfica, são antis, e mesmo que digam que tenham, nós sabemos que não têm pela forma como comemoram as vitórias contra o benfica. Qualquer tentativa de nisto contrariar, através da lógica, um benfiquista é como dizer a alguém que alucina que não está ninguém na sua frente, como não aguentam o confronto com a realidade flipam da marmita e pregam-te um soco por os tentares enganares.

Keep on, é um gozo ver-vos e ouvir-vos. Tendes toda a razão do mundo!
Luís

Tolan disse...

ahahahaa muito bom! sim sim "Luís", claro "Luís"... ;)

isto é de certeza um amigo meu do benfas a gozar com os lagartos. Tiago? Diego? Está bem apanhado o raio do boneco do Luís anti benfiquista e hiper reactivo aos benfiquistas, mas aquele "os tentares enganares" no fim traiu-vos: só um benfiquista escreveria a aquilo, portantos... é continuar a aquerditar :)

tata disse...

Ser-se socia (em primeiro lugar) do sporting (em segundo lugar) porque lhe pagam as quotas parece-me abusivamente de direita. Desmistifica completamente a imagem de uma Plaft de rastas agarradas às arvores numa qualquer luta verde...

Tolan disse...

Tata, não penses que não lhe fiz ver isso. Mas ela nunca daria um tostão a clubes que pagam salários milionários a jogadores de futebol, a opção não foi dela. Aliás, tentou convencer-me de parar de pagar as quotas do Benfica e ajudar crianças pobres com o dinheiro. Como se as crianças, especialmente as pobres e desprotegidas e de cor, da Damaia e da Musgueira, não precisassem de um bom plantel no Benfica para lhes dar alegrias mais valiosas que iogurtes de marca. Elas que comam iogurtes daqueles de marca branca, que já não passam tão mal.

tata disse...

Ainda assim... A opção soprting de quotas pagas por um qualquer tio demostra berço estimado Tolan. Será assim uma Plaft de boas famílias, revoltada com a pobreza no mundo no alto da sua casa de Verão em Sintra. Sem ofender cara Plaft, muito pelo contrário. Lanço um suspiro de alivio porque vejo finalmente alguma coenrencia nessa vossa relação.

Plaft, Sílvia disse...

(só não me vou a ela porque tenho medo de partir uma unha)

Tolan disse...

(calma Plafty, ok, ela errou a análise, mas continuamos com o problema da coerência na nossa relação por resolver. A propósito, já saquei a season 2 e 3 do Dharma & Greg)

tata disse...

gandasmile!

tata disse...

(medodepartirumaunha.......... ópra mim tão psico qualquer coisa a tirar-lhe a pita à grande!)

Pipas disse...

olha que eu podia bem ser a Plaft, hein?
"nunca viu um jogo do Sporting esta época, só viu aquele e ficou toda contente. Durante um ano vai pensar que o Sporting joga sempre assim e que o Benfica é aquela merda. Depois ri-se muito sempre que aparece a cara do Bruno César em grande plano, sem qualquer respeito pelo Bruno César e por pessoas com prognatismo e estrabismo. E é racista, chamou "traidor" ao Djaló (que é preto). Riu-se dos suspensórios e dos blazers de cotoveleiras do Sá Pinto e achou-o parecido com o Jorge Jesus, tal é a profundidade da análise futeboleira do adepto típico do Sporting. E quando é o Javi Garcia ou o Volkswinkel a aparecer em grande plano e camera lenta pergunta "quem é este?" (...)"

sou t a l e q u a l!
e quem me dera ter quotas pagas por outrém, qu'isso é qu'é sorte que não m'assiste. :/