quinta-feira, 22 de março de 2012

bilf 2012, alerta máximo

Vem aí o BILF 2012 e no departamento de marketing soaram os alarmes. Apesar de ser o BILF em título,  nem sequer fui pré-nomeado ainda e começam a aparecer nomes que o ano passado não existiam. A interacção nos social media caiu cerca de 53%, as tolanetes dispersaram-se e não existem mais clubes de fãs hardcore underground especialistas em sabotar os adversários mainstream. A sede da campanha, que em 2011 fervilhava de actividade, encontra-se vazia, cheia de pó, ainda com os confetis da celebração do ano passado espalhados por cima das secretárias e dos telefones.

Na opinião do Autor, isso deve-se a eu ter perdido a componente "ohhh coitadinho quero tomar conta dele" a partir do momento em que comecei a falar na Plaft, aparentando com mestria literária que nutria sentimentos afectivos por ela. Isso terá gerado uma debandada de afecto de leitoras para blogues de outros autores que, apesar de serem claramente uma segunda escolha, pelo menos estão livres e se calhar alguns até são pessoas decentes, com um emprego e tudo. O que é certo é que manifestar afecto por mim seria reconhecer o estatuto da Plaft como 1ª dama do BILF e isso elas não dão de bandeja, nem pensar, preferiam votar no Pacheco Pereira do que dar essa satisfação a uma mulher. Aliás, o Alfaiate Lisboeta está nomeado como BILF, só para dar aqui uma noção da dimensão do desastre que se avizinha.

O departamento de marketing começou por sugerir o despedimento da Plaft, mas essa solução está fora de questão. Indignei-me com o departamento por sequer ousar sugerir uma coisa insensível como essa, depois de todo o trabalho que tive para a conquistar seria uma grande insensibilidade para comigo. O empréstimo também está fora de questão. Talvez a suspensão temporária? Tenho de conversar com ela e tomar esta decisão em conjunto.

Se lhe explicar que ela tem de desaparecer uns tempos para eu poder conquistar as fantasias de cerca de 500 mulheres anónimas, interessantes e giras e que isso é relevante para a minha carreira literária, acho que ela compreenderá certamente, as mulheres costumam ser razoáveis nestas coisas.

34 comentários:

Pipoco Mais Salgado disse...

Tolan, na minha qualidade de vice-BILF 2011, gostaria de manifestar solidariedade, imagine o meu caro que eu próprio também não fui nomeado (sim, sei que parece impossível...).

Estamos acabados, é o que é, saberemos retirar-nos com a dignidade que o momento aconselha, e desejando que as novas gerações façam um bom trabalho.

Fábia disse...

eh eh eh eh !!
Antes de desistires vai ao lançamento do arrumadinho no dia 27e verifica se é esse o teu target :)

A Silvia dá classe ...

Tolan disse...

O arrumadinho vai ser lançado? Espero que seja de um sítio suficientemente alto.

Tolan disse...

Pipoco, eu ainda não atirei o guardanapo ao chão.

Tolan disse...

...a toalha, whatever...

Isa disse...

U rock, Tolinhas! :)
se a coisa estiver renhida, até eu voto.

trollofthenorth disse...

"novas gerações"? Mas isto é o Star Trek e eu não sabia?

Decidam entre vocês quem vai ser o Jean-Luc Picard e o Commander Riker. É simples. :)

Tolan disse...

Jovem aprendiz Trollinho, podia fazer de ti um BILF como deve ser, tens potencial. O BILF é uma força que vem de dentro, é impossível construir um BILF apenas com a forma, tens de ser BILF 24h por dia, 366 dias por ano. É uma grande responsabilidade.

se calhar o Pipoco tem razão e eu estou acabado, no ocaso da vida... sou o clark gable no misfits... ou pior, sou o Kevin Costner no Carteiro... não, meu Deus, não...

Izzie disse...

Olha que eu sou uma Tolanete de primeira linha e não te quero levar para casa para tomar conta de ti. Já lá tenho um que dá imenso trabalho. Mas posso tentar fundar um fã-club, tipo Tony Carreira, com t-shirts, aventais, lencinhos Tolan. Que tal?

Alexandra, a Grande disse...

E eu que pensava que nós, o eleitorado, é que nos deleitávamos com a coisa... (Ver os meus BILF's aqui à conversa comove-me. Acho que estão a precisar de claques. Onde páram os meus pompons?)

Pipoco Mais Salgado disse...

Tolan, creio mesmo que seria de sugerir à autora desta magnífica iniciativa que os BILF's de anos transactos (e vice-BILF's, para dar ainda maior dignidade e grandeza ao acto) deveriam ter uma palavra a dizer, como membros do comité honorífico. Repare, não estou a dizer que manifestássemos a nossa preferência, longe de mim, mas seria de valor para esta festividade que houvesse um comité de senadores que determinasse quem de facto tem potencial para ostentar a responsabilidade de ser um genuíno BILF e quem não é digno dessa missão. Deixo à sua consideração.

Tolan disse...

Izzie e Alexandra, obrigado *<3

muito obrigado pelo apoio, significa muito para mim :) Vou deixar aqui os vossos comentários mais um bocadinho :)



Mas depois lá para as 20h vou apagá-los antes da Plaft fazer a ronda das 21h aos comentários, a que se pode seguir o interrogatório com a lanterna do iPhone em cheio na cara.

hierra disse...

:) eu esqueci-me de votar...mas para o ano, não falha Tolan...

Tolan disse...

Pipoco, eu acho é que como finalistas da edição anterior, deveríamos ter qualificação automática, como sucede na Champions League creio. Escolher, prefiro não o fazer porque não consigo, o meu ego não me permite esse tipo de coisas. Mas podia treinar um potencial campeão, tipo o velho lutador de boxe que passa o testemunho e assim competir com ele. É preciso é acreditar num candidato. Vamos esperar pelas nomeações, serenamente.

Tolan disse...

hierra, ainda não começou. Para já, há um conselho de sábias que está a escolher candidatos numa espécie de pijama party só delas, tipo aquelas miúdas Delta Gama Phi das residências universitárias americanas que são todas loiras e snobs e tratam mal a geek de cabelo escuro e óculos e que se veste de preto mas que se tenta moldar ao grupo das populares e acaba com uma grande desilusão a a voltar para as suas amigas simples e desajustadas e depois o Brad, que é quarterback na equipa de futebol americano, também descobre o verdadeiro amor e contra a vontade da Deborah, a leader das Delta Gama Phi, escolhe namorar com ela e revela ser um tipo sensível e verdadeiro e que tudo não passou de um mal entendido congeminado pela Deborah.

Não sei se me fiz entender.

Pipoco Mais Salgado disse...

Pois que sim, caro Tolan, na qualidade de velho veterano, uma espécie de "boina negra" da BILFagem, creio que seria uma saída de cena em grande, assumindo com maturidade que o caminho está livre para os vindouros projectos de BILF, esses wannabes. Depois da titânica e dramática ponta final do ano passado, em que o meu caro acabou por levar a melhor, numa luta fraticida mas sã, a fazer recordar Prost vs Rosberg. Projecto a minha saída de cena, as mãos tremendo, um fumo baço em espiral a sair do meu Cohiba, copo de cognac na mão, o meu projecto de BILF caído por terra e um novo BILF que se ergue, não tão luminoso e viril como os de antanho, mas, ainda assim, digno.

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Faço parte do juri, a pólo dá-me credibilidade, conhece-me há pouco tempo. A saber: quanto vale uma nomeação direta? :)

Pipoco Mais Salgado disse...

Pipoca, imploro-lhe, por quem é, nomeie o Tolan. Ele é um jovem, tem todo um futuro à frente, é merecedor.

(Eu fico bem, não se preocupe com este meu definhar)

Mak, o Mau disse...

Ser o Gable nos Misfits não é o pior destino caro Tolan, pelo menos sempre é uma saída em bom nível com destino ao infinito.

Ser o Montgomery Clift nos Misfits é que já é pior. Não só não acabas por ali como os outros dois, como fazes mais um ou dois filmes de trampa que só provam que já estás na decadência.

Mas isso são contas muito pouco bilfáveis...

Tolan disse...

ah, obrigado Isa, nos agradecimentos à Izzie e à Alexandra esqueci-me de te agradecer também *hug*


Pipoca dos Saltos Altos: eu quero nomeações genuínas, prefiro não ser nomeado do que pedir por favor, eu não me ponho de joelhos a implorar por nenhuma mulher desde... desde... bem, por acaso a última vez foi há um mês... mas isso não interessa agora!

Tolan disse...

Sim Mak, ser o Gable e morrer depois de tentar domar o meu último cavalo, seria uma morte adequada. Além disso o Montgomery Clift era homossexual. Mesmo assim preferia ser um Montgomery Clift homossexual do que o Kevin Costner no Carteiro ou naquele, o Aquaworld.

marta morais disse...

Os meus BILFS ou morreram ou reformaram-se... merda. Bom, o maradona está só moribundo.
Mas ainda tenho 2 ou 3 à tua frente (pode ser gajas, não pode?)

Mr. Whitenoise disse...

Deixo aqui uma sugestão aos caríssimos Tolan e Pipoco, para fazerem uma organização conjunta dos FemaleBILF Awards.

Tiago disse...

apagaste o post da sílvia? tirano!

Tolan disse...

Ela pensou que a votação já tinha começado. O post será colocado no ar quando (e se) eu for nomeado. Não obstante, o meu departamento de marketing entrou em pânico e está com os nervos em franja. Ela é muito de esquerda e então ela e o meu departamento de marketing não se dão muito bem.

São João disse...

Tolanito, gosto tanto de ti, mas para mim és um como um irmão! Só de pensar em BILFarte sobe-se me o almoço todo à boca... e não tem nada a ver com a Dona Sílvia.

Rita Maria disse...

O que a São João disse.

Tolan disse...

:O OMFG! Isto nem é friendzone, isto é para lá de friendzone... estou na...




....BROTHERZONE!



-_-



*sigh*

Tolan disse...

ISTO NÃO FICA ASSIM!

Tolan disse...

vou entrar em modo mega ULTRA BILF nos próximos tempos...

Stiletto disse...

ah ah ah eu também tenho um voto. Conjunto é certo mas um voto (mas esse ar de modelito com peitos descaídos não me convence)

A.na disse...

Pergunta idiota: o que é um BILF?

Tolan disse...

O que é um BILF? Sou eu, baby.

Pólo Norte disse...

Pipoco,

Toda a gente sabe que você não é vice-BILF. Diz-se BILF 1º damo de honor, pá!

(Esta velho e acabado, é o que é...)