domingo, 16 de setembro de 2012

avante camaradas

Ainda tentei explicar à Plaft, por argumentos racionais, por que não iria à manifestação. E quando dei por mim, estava na concentração de Peniche, a gritar "O Povo Unido, Jamais Será Vencido" com cerca de uma centena de pessoas. Isto foi pequenino aqui, mas talvez por isso a presença de mais 2 tenha feito alguma diferença, especialmente jovens (havia muito poucos, estava um bom dia de praia). A Plaft estava radiante. Os discursos de comunistas à civil sucediam-se, improvisados, no meio da pequena praça. Dignidade. Liberdade. Lutar. Resistir. Senti-me numa recriação histórica. Aplaudia, repetia e gritava "Basta!" e pensava "como é que eu cheguei aqui?" um bocadinho perplexo. Mas confirmei o que pensava. O foco da raiva não é o "exterior", as pessoas sabem que os problemas estão cá dentro, pelo que "que se lixe a troika" não fez grande sentido e a iniciativa original foi um mero pretexto, calhou ser a primeira. E precisamos dos comunas nas ruas.


6 comentários:

Maria D Roque disse...

Eu fui ! Foi forte, foi ordeiro...Foi a minha 1ª manifestação e se tiver que ser a primeira de muitas, so be it...
Fotos, algumas :
http://www.acontarvindodoceu.blogspot.pt/2012/09/desde-praca-do-comeco.html

RCA disse...

Eu com os comunas posso bem. É gente educada, respeitadora e trabalhadora.

Agora os outros. Esses não pá. Começo logo por não perceber qual a mensagem de contrapoder que se passa por não tomar banho e lavar o cabelo. É daquelas coisas que, a modos que mete nojo.

E deixo aqui uma aposta, o Louçã, à frente daquela treta desde sempre, não passa a gerência se isto calha de ir para eleições.

Rute disse...

Não fui porque sofro de agorafobia mas tive pena. Manifestação sem comunistas ou não organizada por eles ou pelas suas ligações são puras concentrações de famílias que foram ver a banda passar com cartazes ridículos, como ridículo era o nome da manifestação. Espero pela da CGTP.

Sãozinha disse...

Uma nota: na grande reportagem da RTP de hoje a emigração na Austrália não era de sucesso...

Johnny Guitar disse...

*«por que» não iria.

M. Costa disse...

E eu que estive a ver fotos da manif de Peniche. Provavelmente deves aparecer.... Hum...