quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

não devia ser esta a intenção da musica, mas quando oiço...

... penso no Cais do Sodré e nos bares de alterne com luzes neon rosa e azul e com más stripers e prostitutas ao colo velhos de charuto na boca e toda gente tão feia e uma pessoa dilui-se num copo de whiksy de contrabando e está tudo bem.

9 comentários:

Izzie disse...

imagem fantástica :D

(estas oldies fazem-me sempre imaginar cenas de slasher movies)

Pipoca dos Saltos Altos disse...

:) acho que tem tudo a ver

POC disse...

Subscrevo. Parece-me até ver o Tóquio e o Jamaica ali atrás. E os marinheiros a chegarem à ruela há muitos anos atrás. Relaxation zone.

http://simaoescuta.blogspot.com

Anónimo disse...

só pensas nas cenas q agora são in. Para além de precisares de um curso de escrita criativa para aprenderes a escrever precisas de imaginação.

trollofthenorth disse...

Sempre achei curiosas, estas referências geográficas, em Lisboa, a putedo.
Cresci no Porto, onde como em qualquer outro lugar do mundo existe prostituição, mas em Lisboa quase se sente a necessidade de catalogar as do zecso pago.

Ele é Cais do Sodré, ele é Técnico, ele é Intendente.
Ultrapassa-me.

Já a Petula está muito bem. E o whisky, se fosse Glenfiddich de malte era perfeito.

Infanta Punk disse...

lol

São João disse...

A mim alembra-me disto:
http://youtu.be/uDwDXqAqnDE

Ah, e do Lost.

Sãozinha disse...

I love Cais do Sodré. O meu sítio favorito de Lisboa, desde o começo. Mesmo com o bas-fond.

CurlyGirl disse...

São João, Lost! É isso. lol.

Mas olha que a tua imagem dos bares de alterne também não está má...