domingo, 10 de julho de 2011

São Paulo


Como o texto dali de baixo é muito grande (mas é giro, a sério) era só para dizer que vou para São Paulo em trabalho uma semaninha e que pode ser a primeira de muitas semaninhas em São Paulo este ano, essa Nova Iorque da América do Sul. Gosto de São Paulo à partida porque tendo a gostar de grandes cidades cosmopolitas em que uma pessoa pode andar por lá sem ser obviamente turista. Agradecem-se dicas de sobrevivência e não só.

12 comentários:

Maria disse...

Ai.

Maria disse...

tenho muitas...
mas primeiro, que trabalho?

Tolan disse...

Drogas. Essencialmente. E assassinar uma pessoa na 5ª ou na 6ª, conforme ela parar na lanchonete do cachorro ou não.

Anónimo disse...

tou a viver aqui. ecaequeeessa@gmail.com. escreve ;)

Vareta disse...

Leva roupa interior em quantidade suficiente. Leva creme gordo para as assaduras - tu já sabes como é que és com climas quentes. Leva Eno ou Alka Seltzer porque as 'ajudas de custo' vão-te dar para pouco mais do que uma mão cheia de pastéis árabes. Tranca-te no bairro japonês e não saias de lá até à hora de voltar. Leva uma carteira cheia de notas do monopólio. Lava bem a covinha dos braços que tu sabes que não cheiras exactamente a rosas quando o dia acaba. Não digas à dona da hospedaria que ela parece exactamente a viúva Porcina. E, pela tua saúde, evita aquele piropo grosseiro que ensaias todos os carnavais e que envolve expressões como "tietas do agreste" e "upa-lá-lá"...

hierra disse...

:) que sorte, é aproveitar o máximo a cidade, sem ser engolido por ela

Tolan disse...

Vareta, há um bairro japonês não é? E haverá lá ramen? :]

EK disse...

Das cidades mais apaixonantes que conheço. Nunca tive problema porque conheço lá gente. Mas é uma cidade que nos engole!

Tiago disse...

Já lá estive duas vezes e acho que vou voltar este ano... n te esqueças de ir beber um copo ao Unique (Sky), umas caipiroscas paulistas ao Pé de Manga (Vila Madalena) e passeia no Ibirapuera sem medos, dá uma checkada no MAM.
Se quiseres mais dicas, liga-me seu escroto!

Anónimo disse...

Não conversar muito com taxistas e recepcionistas de hotel e afins. Não exibir PC, Iphone, máquina digital, etc. Não achar que está em Lisboa/Porto e sair sem rumo. Ou seja, tendo um pouco de atenção a algumas regras de segurança, SP é da hora. Da hora! ;)
Lara

Anónimo disse...

Nao andar de celular ou telefone a mostra. Levar 1 carteira suplente cheio de cartões de credito caducados (se fores assaltado da essa carteira).
Chama taxi sempre pelo telefone. Nunca apanhes na rua um taxi. Há milhares de taxi nao registados com gente com vontade de te assaltar.

Vai jantar ao Gero, ao Figueira nos Jardins. O japonês do hyatt tb e mt bom. Qq restaurante nos jardins e mt bom.
Vai a um show.
São Paulo e uma cidade fantástica.

El Greco disse...

Não percas a cabeça.