sexta-feira, 7 de junho de 2013

maximum heart rate

estranho, já gostava dela, mas nunca o modern man dos arcade fire me soou tão bem como agora mesmo há pedaço. Deve ser do relógio garmin com GPS e do heart rate monitor que regista os meus batimentos cardíacos nos treinos de corrida que se iniciaram hoje a 7 de Junho às 8:30 do ano da graça de 2013 e que me deixaram KO aos 3km com a língua de fora num banco de jardim, sob os olhares curiosos de dois velhotes que davam de comer aos pombos. Max heart rate: 181bpm. Nunca me tinha apercebido que um coração tivesse uma max heart rate.

4 comentários:

Mak, o Mau disse...

Quando comecei a correr um bocadinho mais a sério usava isso que vinha com o meu Garmin.

Depois, como me preocupava ver aquele coraçãozinho sempre a bater, dei-lhe uma folga e passou a ficar em casa.

Este ano, quando a medicina no trabalho foi ao estaminé, o tipo que fez o electrocardiograma fez aquele "Hummm" que levanta dúvidas e perguntou-me se corria. Eu disse-lhe que sim e ele não me disse mais nada.

Quando o médico viu os resultados, chamou-lhe imbecil, porque tinha posto ali uma nota de atenção mas que, se me perguntou se fazia provas de fundo (meias maratonas, maratonas), devia saber que o que nas pessoas "normais" é algo alarmante, que é ter um ritmo cardíaco mais baixo, numa pessoa que corre, o coração bate menos vezes.

A corrida é o culturismo do coração. Precisa de bater menos vezes para ficarmos vivos.

Efrem Miranda disse...

Isto é realmente muito bom. Gosto muito destes arcade fire.
Ritmo cardíaco máximo 220 - idade.
Correr faz bem. Dá-lhe.

Anónimo disse...

todos os mamíferos tem direito a um bilhão de batidas para gastar. Um rato a 500 bpm gasta-as em poucos anos.

OCorvo disse...

Ora aí está uma opinião muito acertada do anónimo de cima. Não acredite em ninguém que lhe diga que deve acelerar o coração em corridas a pé porque o seu coração foi feito para bater uma quantidade de vezes, e só! Não desperdice essas batidas em exercícios. Tudo eventualmente se gasta e acelerar o seu coração não o vai fazer viver mais. Isso é como dizer que pode prolongar a vida do seu carro conduzindo mais depressa.
Quer viver mais? Poupe o seu coração e ande sempre de carro e pena é que não o possa utilizar dentro de casa. Depois Tire uma soneca.