segunda-feira, 22 de abril de 2013

se um espanhol lhe pedir um chupito

Os espanhóis sentem-se bem no México pois conseguem entender o que lhes dizem. A mania de espanholizar implacavelmente qualquer palavra inglesa, para além de os fazer parecer mentecaptos em muitas discussões ao primeiro 'U dos' ou 'Piedras Rolantes', também lhes prega partidas quando pedem chupitos aos barmens mexicanos que os olham de lado e disfarçam o embaraço, apesar de estarem há muito expostos à situação  de espanhóis lhes pedirem chupitos a torto e direito, às vezes em grupo. Um homem heterossexual dificilmente se habitua a uma coisa dessas. No México, como em qualquer parte do mundo civilizado, um shot diz-se... shot. Não seria assim tão complicado, mas U2 também não. Os guias mexicanos que levam os turistas de autocarro de um lado para o outro, têm sempre o cuidado de avisar os espanhóis do significado de "chupito" em mexicano, recorrendo a metáforas e eufemismos, uma vez que há sempre famílias com crianças que não podem ouvir. E não é que os espanhóis ficam surpreendidos com esta revelação e se riem?

Digamos que eu desconfiaria que pedir "una mamadita", "una chupadela", "una chupetina" ou "una chupadita" ou outro termo qualquer semelhante em portunhol, tivesse uma possível conotação sexual em qualquer língua e cultura hispânica, sendo preferível usar o seguro "shot" sem arriscar levar um tiro do barman. Mas tudo bem.

E agora uma música.

Streetlight Manifesto - Everything Went Numb

3 comentários:

Isa disse...

se e quando voltares a São Paulo há umas coisinhas que precisas saber sobre o PT de cá, dps não digas q não te avisei… :p

já me fizeste rir :D mas a incompetência dos espanhóis para qualquer língua que não seja o espanhol da terra deles é sobejamente conhecida, o problema deles é serem uns arrogantes de merda. adoraria ver um latagão de um espanhol pedir um chupito a um mexicano pequenino e de bigode, juro. far-me-ia as férias.
Bjo

Mamã de Peep-Toe disse...

"Os Espanhóis sentem-se bem no México pois conseguem entender o que lhes dizem". Pensei o mesmo quando lá estive e agora fizeste-me rir muito......

Juanna disse...

Já perguntei a vários espanhóis o porquê da sua aversão a falar outros idiomas. A resposta tem sido sempre a mesma, sempre "pa qué si más de medio mundo habla epáñol?". A viver em Espanha há 6 anos e ainda não me habitei ao chauvinismo deles. Palavra essa que dizem ter sido inventada para franceses mas que eu juro a pés juntos que foi para espanhóis.