sexta-feira, 7 de setembro de 2012

road rage

Deixo-vos com uma selecção dos melhores bocados do Arrumadinho destas últimas semanas apanhei-os por acaso no outro dia quando estava naquele estado sonolento de internet browsing em que fico indeciso entre ver road rage na rússia ou quedas de cliclismo:

  «Ontem ao jantar falava com alguns amigos sobre os projectos em que estou a trabalhar. Às tantas, um deles riu-se e disse-me que já tinha saudades de ouvir alguém falar com entusiasmo e motivação sobre aquilo que faz, coisa que também lhe acontece a ele, mas que é cada vez mais difícil de encontrar. Tive de concordar.»

Teve de concordar. Ele nem queria, mas tsk tsk.. a humanidade. Aqui sobre o romance que está a escrever:
Sinto-me uma espécie de Deus do mundo daquelas pessoas, com poder para decidir quem se apaixona por quem, quem morre, quem sobrevive, que é bom e mau, quem faz asneiras ou segue o caminho correcto. É um desafio que me está a preencher. Dou por mim, no carro, a pensar no destino de todos, na forma mais surpreendente e eficaz de fazer avançar a história, de como posso preencher algumas lacunas com pormenores curiosos, dando-lhes um passado, acrescentando-lhes familiares, apoiando-os em novos amigos.

Quem faz as asneiras? Quem segue o caminho correcto? As questões que atormentam Shakespeare, sempre eternas. Não perca. Aqui sobre roupa da pull&bear, até tinha fotos e preços:

O laranja é uma das minhas cores preferidas, e das que mais usei neste Verão. Fica bem com quase tudo, é alegre, tem muita vida e acho que transmite optimismo e boa-disposição. Na Pull&Bear há este mesmo modelo em muitas outras cores. É um básico, mas, como se sabe, os armários vivem da combinação de uma boa variedade de básicos com peças mais fortes. [foto de catálogo da t-shirt, com preço]

 É verdade que o laranja (e o rosa já agora) transmite optimismo, porque é preciso ser optimista para o usar. Aqui um dos mais interessantes, sobre cultura e jovens:

 Há dias surpreendi-me quando uma miúda de 21 anos me disse que nunca tinha visto o "Top Gun". Depois escandalizou-me quando me perguntou o que era o "Tog Gun". (...) Mais tarde, dei por mim a pensar naquilo. E mudei de ideias. Não, não é normal que se desconheçam fenómenos deste género, ou filmes importantes que marcaram décadas.(...)Claro que nem todos os miúdos são assim. Claro que haverá os que continuam a ser interessados, a ler, a entender os fenómenos, a procurar. Mas a verdade é que nove em cada dez dos que tenho conhecido não são assim. Ora aqui está uma boa razão para os que se acham à rascar poderem distinguir-se: tornem-se mais cultos, intelectualmente mais activos e vão ver que acabam por se distinguir dos outros, por sobressair, e isso poderá fazer toda a diferença quando tiverem de enfrentar uma selecção. 

Claramente, aquela miúda de 21 anos não escolheu o caminho correcto, mas sim o das asneiras. E agora, para descomprimirem e relaxarem, um videozinho de road rage na Rússia.

13 comentários:

a.i. disse...

chiça! (para o road rage na rússia) - mas cá em lisboa já por duas vezes encontrei pessoas dessas na estrada - saem do carro para nos bater porque acham que fizemos uma manobra qualquer que não lhes convinha.

quanto ao resto... Editores que vão editar esse livro do arrumadinho, ATENÇÃO! há fortes possibilidades de o público alvo (as tais miúdas que não conhecem o top gun) não ser assim tão estúpido como ele e vocês pensam.

Anónimo disse...

anonimal disse:

agora sim... LIKE A BOSS...

Maria D Roque disse...

Desperate househusband or the pink-ish (or orange-ish) ife on Pompouslane. Que desperdício de papel.. o vídeo é fixe...

disse...

E eu que já levo uns quantos acima dos 21 e não sou nem um nadinha intelectual...oh meu Deus o que vai ser de mim:)

disse...

para um post que apelidaste de road rage, pareces um gentleman a conduzir esta observação sobre a capacidade que o Arrumadinho tem de defecar com o cérebro. eu perder-me-ia em insultos a dissecar este material.

Carla disse...

Mas a minha favorita será sempre "fomos para um motel, dormimos, e no dia seguinte...".





Maat disse...

AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA muito bom!

Pipoca Mais Picante disse...

Pois eu cá penso que deveria ter aproveitado a oportunidade para reler um qualquer russo. Mais interessante e menos sujeito à piada fácil.

a.i. disse...

então e o Tolan não se digna comentar a afirmação de Pipoca sobre ser católica e acreditar piamente que Deus "já desistiu" das tais pessoas más e mesquinhas que a criticam a ela e à Coco e provavelmente ao arrumadinho?
pois, suponho que não se digna. Vale desistir.

Cuca disse...

quem é o arrumadinho?

Xuxi disse...

hahahahhahahaahahaha
e não há ninguém que mate os dois? o arrumadinho e a pipocona?

Lady Oh my Dog! disse...

Li este post e de caminho cliquei na cena. Trago miminhos!!

"Na pesquisa histórica que fiz para o meu romance li imensos livros..."

"Há dias descobri uma dessas pessoas, a Tânia Afonso, uma repórter fotográfica que decidiu entrar num mercado difícil, o das fotos de família,..."

"Está quase a fazer dois anos que fui às Maldivas."

"Fica bem com looks casual ou casual-chic."

faa aa disse...

É preciso ser-se muito forte psicologicamente para ainda ler o que essa pessoa escreve, parabéns.