quarta-feira, 19 de setembro de 2012

maminhas à mostra

Recentemente um jornal francês publicou as fotos da Kate Middleton em topless e o casal real ficou chateado e processou o jornal. Eu compreendo o aborrecimento. A Kate  já fazia um implante real. Não é a dimensão que está em causa, maminhas pequenas podem ser extremamente apelativas, mas sim o serem small e saggy, que são duas tags que não existem de forma combinada nos portais de pornografia, nem mesmo nos mais sórdidos.

Cá em casa isso reacendeu uma polémica conjugal, visto que a Plaft só está bem é de maminhas à mostra, especialmente na praia ou a meio de uma discussão em que me está a tentar convencer a ir a uma manifestação comunista. São maminhas dignas da categoria big naturals.  Se em casa não há problema porque eu cedo sempre a argumentação de peso, na praia a coisa é diferente. Não são praias de nudismo, são praias cheias de gente, famílias, matarros a jogar à bola, pessoas com geladeiras e sogras vestidas de preto debaixo de um chapéu de sol, putos de 7 anos que ficam embasbacados e subitamente desinteressados do castelinho de areia que o pai entretanto  parou de construir porque também se distraiu com qualquer coisa até a esposa se intrometer à frente de mãos na anca e a bater o pé... raios, até os cães abanam a cauda e arfam de uma maneira suspeita.

Eu vou ali a fazer músculo, todo direito, a encolher a barriga, altamente descontraído portanto. Ajuda-me pensar que as pessoas acham que ela é estrangeira e que eu sou uma espécie de Zezé Camarinha com a minha bifa. Pelo sim pelo não, orbito em torno dela à laia de biombo satélite e abro muito os braços enquanto falo para tapar o mais possível

Já lhe expliquei que maminhas nunca são neutras para um homem. Nunca. Não é por descontextualizar mamas ao passá-las para uma praia que elas se tornam "pele" como um braço ou uma orelha. O bikini é apenas um truque para podermos ver mulheres em roupa interior. O exame de palpação mamária está para os médicos heterossexuais como o  exame à próstata para os médicos homossexuais. Mamas são mamas, independentemente do contexto, do momento, do local, da temperatur... bom, da temperatura não que eu já fiz a experiência com o ar condicionado do BM no máximo e tivemos de esperar no carro um bom quarto de hora até voltarem ao normal para podermos assistir à missa do casamento de um amigo, mas de tudo o resto sim.

Só me safo é nas praias da zona oeste que só têm dois modos: nevoeiro ou vento. O nevoeiro torna inútil qualquer exposição da epiderme. O vento garante uma dolorosa esfoliação moral, remetendo a Plaft a uma espécie de burka improvisada com toalhas e t-shirts, toda encolhida no pequeno covil do chapéu de sol semi-enterrado que eu preparei com alegre diligência. Nesses momento eu sorrio, indiferente à areia que se me infiltra nos dentes e risca os ray-ban e comento"está um rico dia de praia, um dia como deve ser".




13 comentários:

Maria D Roque disse...

... ou o pensamento fundamentalista do homem moderno e práfrentex... Já não há homes como o meu, caramba !!! ... que me incita ao topless e tudo, sendo que eu acho que a praia não é só minha, e que se os veraneantes quisessem ver um filme de terror, iam ao cinema... olha eu a correr para mergulhar nas ondas, qual sereia, e tropeçar numa dita cuja e estatelar-me ao comprido ....

Izzy disse...

Nem de proposito... Eh que ainda ontem me perguntaram: "Did you see Kate Stits?" E eu: "Don't know who that is". Olhe eu aqui (states) so consigo encontrar fotos das maminhas reais com duas estrelas coladas aos mamilos por isso, um bem haja para si pela informacao "small and saggy".

disse...

Como eu já disse (http://cacosvida.blogspot.pt/2012/09/o-topless-da-realeza.html) as minhas são bem melhores que as dela! Mas topless não, porque o que é bom e bonito não é para todos, está bem guardadinho para quem merece:)

Sãozinha disse...

Não achei nada disso. Achei que eram razoáveis, dentro da categoria realeza. E isso de ser contra os toplesses não se coaduna com ser liberal!

Tolan disse...

Eu não sabia que era contra toplesses. Antes até era bastante a favor. E registe-se o facto de eu não a impedir de fazer topless. Isso é ser liberal. Respeito pela liberdade individual, até mesmo pela liberdade individual de uma mulher que é nossa propriedade.

Tolan disse...

desculpem

"de uma mulher que é nossa propriedade" entre aspas.

Maria D Roque disse...

Ouch... ache que hoje provavelmente nem as aspas te valem...

a.i. disse...

haha, aspas.
bom, e eu que ia jurar que este post é uma vã tentativa de perfilar a blogoesfera feminina entre as que têm big naturals e as que têm small...nessa não caímos, Tolan!

Anónimo disse...

Não há nada como umas maminhas pequenas,não flácidas, sem silicone ou afins.

Maria D Roque disse...

http://www.publico.pt/Mundo/mais-duas-revistas-vao-publicar-as-fotos-de-kate-em-topless-1563700

Onde é que é o fim da fila ???

Anónimo disse...

nós as mulheres com maminhas pequenas somos mais Livres! : )

Tiago disse...

1 - só a malta do Oeste é que usa a expressão "matarros"
2 - tens um BM?!

Tolan disse...

é da empresa. E tu deves ter um ferrari ó sacana. Pensas que não sei que foste promovido? Qualquer dia és partner :)