quarta-feira, 10 de novembro de 2010

a TPM é...

O Pipoco Mais Salgado, o 3º melhor blogger macho alfa, tem uma inequívoca compreensão do sexo feminino. No entanto, pergunta, candidamente, «e o que é isso da TPM? ».

Ora bem. Como explicar. A tensão pré menstrual (TPM), ocorre nos dias que antecedem a menstruação, isto, qualquer wikipedia pode dizer.

Para se ter uma ideia do que isto faz a uma mulher, as doenças com sintomas semelhantes são depressão, distimia, ansiedade generalizada, transtorno do pânico e transtorno bipolar. Portanto, se não se está consciente de que existe a TPM, há boas probabilidades de começar a recomendar ajuda à parceira, uma ida ao psicólogo etc. A culpa não é delas se de 29 em 29 dias recuam 100 mil anos em termos evolutivos. Mas nunca, NUNCA, desvalorizar um acesso súbito de choro e queixas com um "isso é TPM?" É perigoso dialogar quando estão pedradas em estrogénio. O melhor a fazer é manter-se o mais discreto possível e dizer que sim a tudo e que têm razão.

E depois anotar num excel a data em que ocorreu a crise. Com o tempo a precisão é muito boa se tomarem a pílula (+-2 dias em 28 dias) e podemos antecipar o momento em que aquilo lhe vai bater e ter um bom stock de chocolate, Haggen Dazz, cleenex, filmes com o George Clooney e uma espingarda de dardos tranquilizantes. E não cometer o erro de combinar um fds fora nessa altura e nos dias depois quando já estão a sangrar, é um desperdício.

Mas não é só em casa que dá jeito estar consciente do TPM.

Num escritório onde trabalhei, comecei a anotar num excel as crises de humor das minhas colegas. Achava esquisito que, perante os mesmos estímulos negativos (um chefe tirano que fazia pedidos impossíveis, um rato que deixava de funcionar, uma chamada que caía) elas ora reagissem com indiferença, ora desatassem em prantos descontrolados a caminho do WC, aos gritos ao chefe ou a dar murros na mesa até partir um teclado (sem querer).
O excel tinha colunas, uma com o dia e outra com o stress level de cada colega, um índice que inventei e que tinha a minha avaliação profissional numa escala de 1 a 10.

Com o tempo, o gráfico ficou fantástico, os altos e baixos ocorriam num período de 28 dias e também reparei que as femeas tinham os ciclos próximos, quase sincronizados.
Portanto, havia um período no mês em que aquele departamento tinha pelo menos 4 mulheres com TPM, era um campo de minas autêntico, ainda por cima, minas susceptíveis, das que rebentam mesmo que ninguém lhes ponha um pé em cima, só porque de repente se acham umas minas gordas ou feias ou pouco valorizadas. E o meu chefe não sabia disso. Eu podia ter partilhado com ele o gráfico, mas dava-me muito mais gozo vê-lo convocar 3 colegas com TPM para uma reunião e cronometrar o tempo até começarem os primeiros gritos.

13 comentários:

Crente disse...

Que maldade... que maldade...
Mas isso das mulheres que passam muito tempo juntas ficarem sincronizadas é verdade. S´não percebo porquê.

Maria Fonseca disse...

Ou então, a TPM é apenas um mito criado pelas mulheres com o objectivo de transformar a vida dos homens num inferno, pelo menos uma vez por mês, sem que eles tenham qualquer oportunidade de responder ou retaliar ou qualquer outra coisa que possa ter um significado similar.

anouc disse...

Não tenho disso. Nunca tive.
Uma alegria.

Mose disse...

Dwight, és tu?

Pipoco Mais Salgado disse...

Meu caro, Tolan, fantástica e deveras pedagógica explicação, agradeço-lhe do fundo do coração.

(terceiro melhor blogger macho alfa, o caralho...)

S* disse...

Meu deus, quanta profundidade num só post. lol

м♥ disse...

fantásticas conclusões...

Vera, a Loira disse...

Interessante era agora fazer um estudo semelhante, mas no entanto mais alargado com as miúdas da blogosfera.

Anónimo disse...

Sincronização = cheiro + produção de hormonas...

é tudo físico

Isabel disse...

Diz que sim, que TPM é mais ou menos isso. Mas não nos ataca a todas de igual forma, sabe? Eu cá acho que fico mais pedrada em testosterona do que em estrogénio, o que não me dá exactamente para chorar. Fico é com mais apetite, logo, combinar um fim-de-semana fora nessa altura não é, com certeza, um desperdício.
Ainda assim, a ideia de ter um bom stock de chocolates e Haggen Dazz faz todo o sentido (durante o mês inteiro)!

Paula disse...

Eu continuo com a minha: TPM é igual a tudo por mimo! Desde que eu receba mimo,tudo corre bem!

PFIA disse...

Pois eu, correndo o risco de ser apedrejada pelo mulherio sensível e muito dado a achaques, arrisco-me a dizer que a TPM tem tanto de real como os (supostos) desejos de grávida.

(oiço barulhos estranhos no telhado… não me partam os vidros sff)

mitwist disse...

tolan, está perdoado!
este post fez-me esquecer o seu desabafo infeliz sobre o seinfeld/friends.

chorei a rir.chorei mesmo!

adorei a ideia dos dardos tranquilizantes.

atenção, o que a Isabel tá a dizer é muito verdade, o "apetite" aumenta muuuuito.nos dias antes de começar a sangrar (tb adorei esta)as cuecas caem-me com tanta força que partem o chão-estas expressões em inglês souam melhor.

boa!